Comi Mais Uma Casada Em Curitiba

Bom este é meu segundo conto aqui, isso graças as pessoas que visitam ao site. Entrei em novembro de 2012 em meu MSN e aceitei um convite de um casal de Curitiba, ele com 28 e ela 25 anos, casados a 5 anos queriam apimentar a relação, por?m, tinham muito medo e insegurança. Conversamos muito por várias semanas, nos conhecemos melhor e por eu ser casado se sentiram mais tranquilos quanto ao sigilo, nos vimos atravôs da cam, não só gostaram de mim, mas eu gostei demais, pois do outro lado tinha uma loirinha de parar o trínsito. não forcei a nada deixei eles se entregarem a fantasia e é assim que tem que ser sempre respeitando o casal, pois, quem dita as regras são eles. Mas este casal estava louco para fazer mas não sabia como, estavam com receio, deixei meu telefone e avisei que quando quisessem algo, apenas para nos conhecer me ligassem, tentei fazer eles se sentirem seguros e mostrar que eu estava ali para ajudar. Em dezembro em uma tarde ensolarada recebo uma ligação, chamada restrita, era ? Mari ( fict?cio ) falando que estava sozinha e que estava louca para realizar a fantasia e seu marido estava trabalhando, perguntei se ele sabia da minha ida, ela disse que sim, foi um plano dos dois. Ela me passou o endereço que fica no Cabral em Curitiba, cheguei lá por volta das 15:00hs, o porteiro me recebeu e falou vocú é o t?cnico de informútica que a dona Mari esta esperando pode entrar, kkkk este era meu disfarce para ninguém saber, cheguei era um belo sobrado, quando a porta se abre e sai uma loirinha de 1,68m 57kg, pele branquinha, um sorriso lindo vestida apenas com um short jeans e uma blusinha que marcava seus pequeno seios. Me deu um beijo no rosto a principio e me acomodou em sua sala, percebi que estava sem jeito, insegura e sem saber o que fazer, me levantei peguei ela em meus braços e falei para ela ficar tranquila que faria somente que ela quisesse, comecei a beijar sua nuca dar mordidinhas em seus ombros senti ela arrepiar toda, fui passando a mão em seu corpo, sentindo como era perfeito e eu um cara de sorte, virei ela de frente tirei sua blusinha beijei seus seios pequenos mas durinhos, continuei beijando sua barriga, até arrancar seu short, que me mostrou que ela estava sem calcinha, depiladinha totalmente e suas pernas já estavam molhadas do níctar de sua bucetinha, fui beijando suas coxas, ao lado de sua bucetinha, dando mordidinhas de leve, fazendo ela pedir para eu enfiar a lÂngua nela, quando ela pediu, fiz lentamente seu clitáris ficar durinho, dei lambidas de leve e frenúticas, sentia um gosto delicioso de bucetinha molhada, fiquei nesse ritmo por uns 10 minutos, quando ela anunciou um gozo, chegou a me prensar sobre suas belas coxas, e deu um grito muito alto parecia que não ia parar….fiquei dando carinho a ela enquanto se recompunha, voltei a chupa-la mudando o jeito de tocar no seu clitáris, mas agora com dois dedos dentro da bucetinha tocando a parte de cima da entrada, mais alguns minutos ela soltou outro grito de gozo, estava molinha, falando que nunca havia gozado na boca de ninguém, não sabia o quanto era bom, quando toca o interfone, era o porteiro querendo saber se estava tudo bem que a vizinha do lado havia ouvido uns gritos e como tinha o t?cnico de informútica lá estavam preocupado, ela disse esta tudo bem sim, apenas havia derrubado uma cadeira em seu p?,rsrsrs….ela voltou e demos risos juntos pediu para subirmos em sua cama queria deixar o cheiro de meu perfume l?, que ela havia gostado, me elogiou da performance da chupada, mas agora era ela que queria me retribuir, chegando em sua cama, arrancou minha cal?a, saltando meus 19cm muito duro de tesão já, começou a chupar gostoso, babava com uma criança e lambia de cima a embaixo, segurei para não gozar naquela boquinha deliciosa, em um pulo ela deixou meu pau e sentou gostoso nele, estava tío molhada que escorregou muito f?cil para dentro, agarrei naquela bunda redondinha e comecei a socar ela pedia mais, que tava adorando se sentir puta, pedia tapas na bunda e para eu falar que sempre eu ia comer ela agora e que seria minha puta, derrepente ela solta outro grito de gozo, e cai sobre meu peito, nunca gozei tanto, estou acabada, me deu um beijo tío gulosos que parecia nunca ter beijado outro homem, falou que sentia falta dedar um beijo assim e seu marido ultimamente só dava selinho. Nesse momento ela lembrou de ligar para ele , para deixa-lo louco e saber que sua mulher era puta agora, virei ela de quatro para falar melhor , quando ela falou alá coloquei devagarzinho quando ela disse amor adivinha que estou fazendo comecei a socar, ela não conseguia falar, só gemia para marido ouvir colocou no viva voz e ouvia o marido dizendo que ela era puta e se tava feliz com o macho que eles haviam arrumado, ela só gemia, diminui o ritmo para ela falar, amor não posso falar agora ele ta me fudendo muito já gozei trás vezes, e eu acho que tem mais ainda, ele falou que estava quase saindo da empresa, era quase 18 hs, meti forte denovo onde ela gozou no meu pau de quatro, pediu para eu gozar em sua bucetinha que queria deixar a porra para seu marido ver, e pediu para sai antes que ele chegasse,pois, tinha medo que sentisse ciúmes de mim, já que ele não era um homem tío bonito, virei ela de frente e soquei levantando suas perninhas, enchi sua bucetinha de porra, me deu outro beijo gostoso, e pediu para eu tirar algumas fotos dela comida cheia de porra para guardar de lembranças e depois me mandou algumas por e-mail para eu guardar, me acompanhou até a porta me dando outro beijo e prometendo a voltar, saindo do sobrado dei de cara com sua vizinha, que ficou olhando desconfiada. No outro dia entrei em meu MSN, ela estava on line, me agradeceu , falou que seu marido nunca havia tratado ela tío bem quanto aquela noite, e os dois estavam muitos felizes, que com certeza iriam repetir, pois, ela adorou como a tratei deixando a segura e não fazendo mal a ela, e que quando sai de sua casa sua vizinha foi até l?, e como as duas eram confidentes contou para ela do acontecido, sua amiga sempre teve esta vontade mas seu marido jamais aceitou, no final acabei comendo as duas juntas na casa da Mari dois dias depois, uma com o marido sabendo e a outra sem o marido saber, muito bom. Para quem tiver a mesma fantasia ou quiser saber como ? este mundo de loucuras sem compromisso add [email protected], tenho 31 anos.

    Contos relacionados

    Confortar A Vizinha dá Muito Prazer

    Hesitei muito em publicar acontecimentos pessoais devido ao risco de ser descoberto, uma vez que apenas relatarei fatos reais. Leio muitos contos e percebo que a grande maioria apenas inventa, baseados em contos de outros, talvez, ou da pura imaginação....

    O Grande Conto Do Divo Radialista

    Estava um dia em casa, mexendo no computador, escutando alguma live como sempre. Utilizava minha cuequinha branca puida, meias, e uma linda camisa salmão que realçava o brilho inerente aos meus olhos. No podcast uma mulher de voz seduzente lia seus contos...

    A Minha Primeira Vez Com O Meilu Irmao

    Ola eu me chamo patricia e vou contar como bati uma clm o meu mano. Os nossos pais quase nunca estavam em casa. Então um dia eu tava tomando banho. E derreçente ouvi um barulho da porta a abrir. Era o meu mano. Tava me olhando e a puxar o culhao dele para...

    Ajudando A Uma Amiga

    O que conto aqui realmente aconteceu, única não verdade são os nomes que vou alterar. Meu nome é carla sou uma mulher normal, casada e feliz, tenho uma vida sexual ativa que já foi muito mais apimentada, mais ainda hoje vivemos bem sexualmente, tenho...

    Anal Gostoso

    Sou uma ninfetinha gostosa, tenho orgasmos múltiplos e o conto  que vou narrar é uma história real com meu namorado: nós nos olhamos e já sabíamos o que fazer. Começamos a nos beijar lentamente, o beijo começou a ficar mais ardente, com mãos pelo...

    Minha Primeira Vez De Corno Foi No Resort

    Minha primeira vez de corno foi no Resort Somos um casal já de 40 anos e estamos casados a 20 praticamente. Maria (apelido) tem uma bunda muito deliciosa, daquelas que calcinha não consegue parar no lugar, sempre dá uma "escorregada" e fica...



    conto erotico lesbicasmelhor conto eroticocontos de.incestocontos eróticos lésbicaconto erotico amadorcontoscasadoscontos sobre incestocontos eróticos proibidosconto erotico metrocontos de incestocontos eroticos negrascontos eroticos de mulheres casadascontos eroticos acampamentocontos de fodacontos sroticoscontos eroticos curtoconto erótico 2019conto erotico dentistaconto ninfetacontos eroticos com filhascontos eróticos de mulherescasa de contos eróticosdei pro meu primocontos fetichesadomasoquismo contosacervodecontosestorias pornosconto erotico comi minha filharelatos incestoscontos masturbaçãocontosdeincestoconto erotico incestoconto erotico cunhadacontos eroticos casadascontos eroticos de mulherescontos de masturbaçãocontos de sexo lesbiconovos contos eroticoslesbica contoscontos eróticos para mulherescontos sadomasoquismocontos eroticos tiacontos de sadomasoquismoconto eroticoacontos eroticos minha primeira vezcontos orgiacontos incestos gayscontos eróticos na praiaos melhores contos eróticosrelatos eroticos veridicoscontos.pornoscontos eroticos de putasconto erotico primeiro analcontos amadorescontos eroticos festacontos eroticos on linecasa dos contos erotivosconto de sexo incestocontos insestoconto erotico comendo a primacontos eróticos verídicosconto erotico comi minha filhaestorias eroticasconto eroticos gratiscontos eroticos tio e sobrinhaacervo dos contosconto erocontospornosconto incesto maecontos eroticos excitantesconto erotico com padrastocontos eróticos famíliairma contos eroticosconto erótico lesbicascontos eroticos professorcontos heroticocasa dos contoseróticosconto erotico sadoconto eroticoshistorias pornograficacontos de sexo reaisconto eroticos gratiscontosdeincestocontos gravidascontos eróticos professoracontos eroticos com padrescontos eroticos mae e filhoscontos comendo a irmaincesto brasileiroconto erotico insesto